ABC do meu bebê

Archive for the ‘Bebê mês a mês’ Category

Ufa!! Como passou depressa, e já chegamos no último mês!

Até aqui muitas coisas boas aconteceram e ver nosso filho crescendo saudável nos deixa muito orgulhosos dessa dádiva que DEUS nos deu que é de sermos, guias desse novo ser nesse mundo! Hoje (16/04) completo 37 semanas e o parto está previsto para o dia 26/04!! Estamos num corre corre danado, para dar conta de terminar a arrumação do quarto, lavar e passar o restante das roupas do bebê, preparar as malas para maternidade, fazer as lembrancinhas para que for nos visitar…. Não sei se vou dar conta de tudo isso!!rs…

Esta semana o Antônio nos deu um pequeno susto, para ser mais precisa, na terça-feira fui trabalhar e comecei a sentir umas cólicas mas achei que fosse normal, nunca imaginei que contrações seriam parecidas com cólicas mestruais, até porque achei que outros sinais viessem antes da dita cólica. Comentei sobre as cólicas com as colegas que ficaram nervosas e me mandaram ir para a médica pois eu poderia estar entrando em trabalho de parto. Diante de tanta insistência lá fui eu, liguei para o marido que saiu do trabalho correndo e foi me buscar para me levar. Continue lendo »

Anúncios

Estamos chegando à reta final, a partir de agora falta muito pouco para conhecer o Antônio. Nosso filho já está enorme (2.290kg) de acordo com a última ultra. Como ele já está bem grandinho e o espaço é pequeno as dores e incômodos têm aumentado bastante, a posição para dirigir, por exemplo, é muito incômoda e minhas costelas e costas dóem bastante. Mas calma!! Nada que seja insuportável!! Por vezes tenho a impressão de que minha bacia se desloca, como se os ossos estivessem saindo do lugar, mas ainda não comentei nada com a médica.

O quartinho já foi comprado, mas ainda não foi montado. (Estamos atrasados!) É que na verdade, compramos um ap a pouco tempo e esperávamos nos mudar antes da chegada do baby, mas como os moradores ainda têm 90 dias, resolvemos montar o quarto aqui mesmo, para que ele não ficasse mal acomodado, por isso a demora na montagem dos mesmos.

Nessa última semana comecei a lavar as roupinhas e fiz as últimas compras para a mala da maternidade. Preparei umas bolsinhas para 06 mudas de roupa. Ouvi umas dicas de algumas mamães mais experientes que me informaram que essas bolsinhas facilitam muito a vida das mamães e enfermeiras na maternidade, já que dentro de cada bolsinha você coloca um sapatinho, par de meias, roupa e a fralda. Assim você não tem que ficar pensando o que a criança vai vestir, na hora que a enfermeira chama para o banho. Continue lendo »

   Este mês estamos nos preparativos para o chá de fraldas do Antônio. Já entreguei os convites e   agora tenho que pensar como vou fazer tudo: lembrancinhas, comes e bebes, mesa, ornamentação das mesas, entre outras coisas.

Como ainda estou trabalhando, tudo tem que ser mais planejado ainda, pois sobra apenas os sábados para fazer a compra dos itens e os finais de semana para ir preparando as coisas. Faremos o chá no dia 02/04, um sábado, para que tanto familiares quanto colegas de trabalho pudéssem vir mais despreocupados. Marcamos para às 15h, assim podemos fazer algumas brincadeiras e colocar o papo em dia.

E por falar em brincadeira tenho visto algumas bem legais para fazer no dia do chá. Confesso que não sou muito chegada a brincadeiras e muito menos aquelas coisas de pintura e faixas disso ou daquilo, até porque sou super reservada e muito acanhada, então passar por esse tipo de situação não me deixaria à vontade. Além disso só pedi fraldas aos convidados, portanto não teria muita graça fazer adivinhações! As brincadeiras que tenho visto por aí são bem saudáveis e não constragem nenhum convidado e nem os pais do bebê, selecionarei algumas e colocarei em um próximo post.

Por enquanto deixo vocês com fotos de alguns itens que farão parte desse dia tão especial!

Acho que essa foi a ultra mais esperada até hoje. Estávamos torcendo para que pudéssemos ver o nosso baby e saber se vem um filhote ou uma filhota!! Fomos para a clínica e chegamos no horário previsto (16:30h).  A médica que nos atendeu foi super grossa e mal virou a tela da TV para que o maridão pudesse assistir ao exame, mal deu boa tarde e já foi logo dizendo que o bebê estava de bruços e que não seria possível fazer o exame direito e muito menos o sexo. Durante o exame (que durou uns 5 min.) ela não deu uma palavra sequer sobre como estava o bebê e nem mostrou as partes do corpinhos, como fazem os outros médicos.

Saí de lá indignada, meu marido falou:

– Quer saber, essa médica deve é estar com pressa de ir embora e por isso fez o exame correndo!!

Também pensei isso, mas estava muito triste para falar qualquer coisa. Enquanto esperávamos na recepção o resultado do exame, vimos a fulana saindo!!! (Não é que ele tinha razão?!)

Fui para casa super prá baixo, afinal espero tanto tempo para ver o meu baby e na hora H é só isso??? Pensei, amanhã vou em outra clínica, nem que tenha que pagar pelo exame.

Dito e feito! No dia seguinte fui à uma clínica perto do trabalho que atende sem hora marcada, por ordem de chegada e pedi para fazer o exame. Paguei o que tinha que pagar  e esperei. Como já havia feito lá minha 1ª ultra as meninas da recepção já me conheciam e eu torci para ser atendida pelo mesmo médico.

Correu tudo bem, entrei super nervosa com medo do baby não estar bem, mas o médico conseguiu vê-lo e falou que ele estava bem agitadinho!! Até deu para supor o sexo… É um menino, afirmou o médico, apesar do cordão umbilical estar na frente. Ele disse que 90% de chance de ser menino porque de acordo com a experiência dele e por não ter localizado útero, ovários etc. tinha muita chance de ser um meninão!!! Tudo bem com o bebê, 140 batimentos cardíacos por minuto, localizados coração mãos, pés, fêmur, bexiga…. Tudo ótimo, saí de lá já ligando para o maridão e contando que nosso menino estava a caminho!!

Passamos à noite conversando sobre qual seria o nome escolhido, mas desde o início da gravidez meu marido sempre falava que se tivesse um filho gostaria de colocar o nome do avô, e se fosse menina escolheríamos juntos.  Como não tinha preferências quanto ao nome de menino, fiquei contente com a escolha, até porque apesar de não tê-lo conhecido sempre ouço falar que era uma ótima pessoa. Então ficou assim, o baby se chamará Antônio, em homenagem ao bisavô paterno.

Fuçando nas revistas especializadas em nome descobri algumas coisas sobre o sgnificado desse nome, mas isso já é assunto para outro post…

Oba!! Estamos chegando ao final do 1º trimestre!!! Ufa!

Dizem que esse é o período mais perigoso, onde pode ocorrer a perda do bebê, daí tanta comemoração por mais esta etapa concluída!

Bom, o corpo já começou a sofrer algumas alterações visívies (pelo menos para mim!), as calças estão ficando apertadas no quadril e nem todas me servem mais, pois fico preocupada de apertar a barriga. Os seios mais inchados do que nunca, não me permitem mais usar alguns tipos de blusa, sem que para isso seja necessário um top. Voltei ao peso inicial da gravidez, visto que havia perdido um no mês passado e me encontro com 58kg. Minha pressão na última consulta estava muito baixa (9×5), eu geralmente tenho pressão (10×6)!! Mas acho que foi porque ainda não tinha almoçado.

Vejam como está o baby nesta fase!!

A cabeça equivale a um terço do comprimento do corpo. Ele(a) já está com mais ou menos 6cm (que fofo(a)!) Começam a formar-se os ossos, num principio de tecido cartiginoso que vai se calcificando. O rosto continua em processo de definição. O feto já está totalmente formado. A partir de agora inicia-se a fase de maturação dos órgãos.

Neste mês fizemos a tão temida ultra de tranlucência nucal (TN), ela é uma prega na nuca do feto, decorrente de um acúmulo de líquido sub-cutâneo na região cervical, que deve ser medida entre 11 e 13 semanas + 6 dias para o rastreamento de síndromes fetais (cromossomopatias), dentre elas a trissomia do par 21 ( síndrome de Down ), a sindrome de Patau, Síndrome de Edwards, síndrome de Turner, além de inúmeras outras. Para ser  considerada normal deve medir no máximo 2,5 mm de espessura. Este acúmulo de líquido é decorrente de uma insuficiência cardíaca fisiológica que os pequenos fetos apresentam nesta fase, pois eles crescem muito rápido e o número de sarcômeros das fibras do miocárdio (músculo do coração) são insuficientes transitoriamente para suprir esta necessidade. Após este período esta insuficiência cardíaca fisiológica desaparece pois o coração fetal torna-se suficiente este flúído desaparece na nucal fetal. Em alguns casos quando esta prega tem uma espessura superior a 2,5 mm, pode significar uma insuficiência cardíaca mais acentuada. Como na grande maioria das síndromes fetais os fetos apresentam insuficiência ou anormalidades cardíacas, os pequenos fetos que tem a translucência anormalmente aumentada apresentam uma probabilidade maior de terem uma síndrome, como a síndrome de Down ou cromossopatia, ou simplesmente uma insuficiência cardíaca. Continue lendo »

Este mês não ocorreram muitas novidades, a barriga quase não aparece ainda…. Triste!!! A ansiedade de me ver de barrigão ainda é grande, mas acho que vou ter que esperar mais um pouquinho…rs…

Nesta consulta, a médica me receitou ácido fólico que serve para evitar a má formação do feto, e deve ser tomado até o 3º mês. Dizem que ácido fólico engorda, será? Mas se é para o bem do baby, assim o farei. Ela também me indicou o creme massê, para passar nos seios após o banho e me indicou começar a passar um bucha vegetal nos mesmos durante o banho, para tirar a sensibilidade e prepará-los para a amamentação.

Perdi 1kg este mês pois devido ao sono e a pressão baixa quase não tenho fome, então acabei perdendo peso. Ainda bem que não estou com enjôos ou tonturas, menos mal, pois já ouvi muitas grávidas que sofrem muito com isso e realmente deve ser horrível!

Realizei uma transvaginal para saber se o baby está bem implantado e determinar com mais precisão de quanto tempo é a gestação e se ela é múltipla. Foi tudo tranquilo, realmente só tem um baby e já estamos com 12 semanas!! Como passa rápido! Ouvir o coraçãozinho dele(a) é tudo de bom!!!Confesso que fico na espectativa a cada ultra, para ouvir o coração e vê-lo novamente! Desta vez, o papi estava presente e se emocionou ao vê-lo pela primeira vez. Foi lindo!!!

Olha o nosso baby com 08 semanas! Coisinha fofa de mamãe!!

Estou grávida! E agora?

Provavelmente muitas mulheres já passaram por isso, muitas dúvidas,curiosidades, preocupações e sentimentos se passam pela cabeça de uma “recém-mamãe”. Meu primeiro mês foi meio básico..rs… Sentia muuuuuito sono e os seios doíam muito, esses foram exatamente os indicadores para que eu fizesse o teste de gravidez.

Devido aos hormônios ficamos em uma instabilidade emocional danada! Hora queremos ficar quietinhas em um canto, temos vontade de chorar… Outras, ficamos agitadas, sentindo uma felicidade absurda! Isso é mais do que normal, mas vai explicar para os outros que estão ao seu redor (leia-se marido, familiares, colegas de trabalho…) que isso tudo está acontecendo no seu corpo e você não sabe explicar o porque.

Com a gravidez confirmada, iniciei o acompanhamento pré-natal.  Fui a minha médica levando o exame de urina, a consulta dessa vez foi bem longa, pois ela me perguntou sobre o histórico familiar de doenças, se há casos de diabéticos, hipertensos, tipo sanguínio meu e do papai além de uma série de exames, além da ultrassonografia para descobrir de quantas semanas ao certo eu estava. Foram eles:

  • Tipagem de sangue ABO e Rh
  • Hemograma
  • Pesquisa de Diabetes, Sífilis, Toxoplasmose, Rubéola, Hepatite, HIV
  • Cultura de urina
  • Protoparasitológico de fezes;

Neste dia também recebi o cartão pré-natal de acompanhamento médico, ele é muito importante, pois ali fica registrada toda vida da mamãe e do bebê para o caso de uma emergência os médicos podem ver como anda sua saúde. Também ganhei um monte de panfletos para ler em casa, sobre gestação, amamentação, cuidados com os seios e alimentação. Olha aí o meu cartão!

Ouvi dizer que muitos médicos não adotam mais esse tipo de cartão, mas considero essencial, pelos motivos já descritos acima, sem falar que é um histórico de como foi a sua gestação, mudanças no peso, medicações entre outras coisas. Além disso, caso ocorra algo durante a sua gravidez e você queira mudar de médico, estará tudo registrado.

E para terminar nossa  conversa de hoje, vi esta música vasculhando na net e achei uma gracinha, fala sobre a espera do bebê (retrata um pouquinho desse momento especial).

Esperando Bebê ( Fernando Mendes)
Você fica tão bonita
sentada fazendo crochê
esperando ansiosa
A chegada do bebê

Pensa que se for menina
Se pareça com a mamãe
Ou então se for menino
Se pareça com o papai

Já pensou até nos nomes
Que pretende colocar
Já bordou as camisinhas
As fraldinhas vai pintar

Pensa em passear com ele
Mil beijinhos vai lhe dar
vai levá-lo toda tarde
no parquinho pra brincar

E assim que ele chorar
Eu sei que vai cantar
Com ele em seu colo
Cantigas de ninar

A primeira camisinha
Que eu usei quando bebê
Vou lhe dar como presente
Logo que ele nascer

Se eu chorar não se preocupe
Vai ser grande a emoção
Ao tomá-lo em meus braços
E sentir seu coração